‘Asfalta Manaus’ da prefeitura avança na zona Oeste e recupera principal via do Vila da Prata

Por Prefeitura de Manaus

28/03/2023 18h56

default

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), concluiu os serviços de recapeamento asfáltico na rua Maria Cavalcante, no bairro Vila da Prata, zona Oeste, nesta terça-feira, 28/3.

A operação faz parte do programa ‘Asfalta Manaus’ que é intensificado de forma simultânea em todos os bairros da cidade, e contempla o trecho principal de 90 metros de via com uma média de 130 toneladas de massa asfáltica. 

“Estamos com muitas frentes de obras na cidade. A equipe de engenharia da pasta de infraestrutura, detecta as áreas afetadas, as ruas esburacadas e a gente sinaliza a melhoria desses trechos com muito trabalho. A meta é levar a transformação para as ruas de Manaus e beneficiar o povo, isso que o prefeito David Almeida determina, e é isso que importa”, assegura o secretário de obras, Renato Junior. 

O empresário Elenilton Fagundes, de 42 anos, trabalha há mais de 20 anos na rua Maria Cavalcante e relata as dificuldades que enfrentou com o trecho tomado pelos buracos. 

“As ruas eram péssimas, esburacadas e cheias de ‘mondrongos’. Era uma dificuldade enorme para andar de moto carro eu inclusive, tinha muito prejuízo com as peças que quebravam por conta das enormes crateras”, relata o morador.

De acordo com o dono da loja de chaveiros, não é apenas no bairro Vila da Prata que a transformação ocorre, e, sim, em todos os bairros da cidade. 

“Agora as ruas estão parecidas com as da Europa, e nossa situação só vai melhorar. Faço questão de agradecer ao prefeito David Almeida e ao secretário Renato Junior, não só por essa rua, mas por todas as zonas. Eu ando por todo lugar e a infraestrutura tá 100%”, elogia Elenilton. 

De acordo com a última atualização da plataforma on-line “Asfaltômetro”, 254 ruas foram contempladas na zona Oeste, por meio do programa “Asfalta Manaus”, fruto da parceria entre a Prefeitura de Manaus e o Governo do Amazonas, que visa recapear 10 mil ruas na capital.

— — —

Texto – Rayana Coutinho / Seminf 

Fotos – Márcio Melo / Seminf