Notícias

Professora de educação física tem a inclusão social como bandeira

informe projeto viva as diferenças

 

Uma vida dedicada ao esporte. É desta forma que se define a trajetória da professora Viviane Ferreira, pessoa com deficiência (PcD) e servidora da Prefeitura de Manaus. Tanto que carrega a inclusão social como bandeira por meio do projeto “Viva as diferenças”, realizado pela Subsecretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel). Viviane está também entre as centenas de PcDs hoje inseridos nas secretarias municipais, dentro da Política de Inclusão que vem ganhando força nesta gestão.

 

Durante a adolescência, Viviane foi atleta de basquete, defendendo as cores de escolas tradicionais como o La Salle, chegando inclusive a ingressar na seleção do Amazonas. A ligação com o esporte foi fundamental para escolher cursar Educação Física. E foi justamente no ano da formatura que sua história mudou.

 

 

“Em 2001 fui diagnosticada com um melanoma, um câncer de pele avançado. Logo comecei o tratamento, mas em decorrência de complicações e uma trombose, tive que fazer a amputação da minha perna. Eu poderia muito bem parar, inclusive me aposentar devido à deficiência, mas não quis, porque eu sempre vi na educação física a minha paixão”, destacou Viviane.

 

O amor pelo esporte conduziu a professora a quebrar barreiras. Tanto que desde 2008 Viviane é servidora da Prefeitura de Manaus. Atuando na área esportiva, ela relata o respeito que tem por parte dos colegas de trabalho e dos pais dos alunos. E diz ainda que é gratificante ver de perto todas as conquistas das crianças e jovens que instrui no dia a dia das atividades.

 

“Dou aula dentro do projeto ‘Viva as Diferenças’. Tenho alunos com Transtorno do Espectro Autista (TEA), síndrome de Down e deficiências. Eles são agitados, mas consegui juntar o amor ao esporte à minha vontade de fazer a diferença na vida dessas pessoas. Muitos professores não sabem lidar com essas diferenças, mas aprendi e tratá-los da mesma forma e com o mesmo respeito que gostaria de receber”, enfatizou a educadora.

 

NOTA

Prefeitura convoca trabalhadores da educação para segunda dose

A Prefeitura de Manaus está convocando os trabalhadores de educação das redes municipal, estadual, federal e particular de ensino básico e superior a comparecerem, até esta quarta-feira, 18/8, de forma escalonada, a um dos 27 pontos de vacinação coordenados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), para receber a segunda dose da vacina contra a Covid-19. O chamado visa à proteção da comunidade acadêmica no retorno das aulas 100% presenciais, a partir do próximo dia 23.

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse