Notícias

Prefeitura inicia operação ‘Mercado Seguro’, com orientações sanitárias em supermercados

A Vigilância Sanitária da Prefeitura de Manaus, iniciou, neste sábado, 12/2, a operação “Mercado Seguro”, para orientar o público e os funcionários dos grandes supermercados de Manaus a respeito de boas práticas sanitárias. Durante todo o dia, a equipe da Gerência de Vigilância de Produtos (GVPRO) visitou cinco estabelecimentos, nas zonas Sul e Centro-Sul da cidade, para conversar com os consumidores e com as equipes técnicas responsáveis por esses locais.

 

12.2.22 - Prefeitura inicia operação ‘Mercado Seguro’, com orientações sanitárias em supermercados

 

As fiscais da Vigilância distribuíram cartilhas informativas sobre as condutas sanitárias mais recomendadas no dia a dia, como por exemplo, a forma correta de se armazenar e manipular alimentos e produtos perecíveis, e também fizeram orientações sobre problemas encontrados no momento das visitas, como excesso de produtos em um mesmo refrigerador, ausência de álcool em gel à disposição do público, ou filas com situações de desrespeito ao distanciamento social.

 

“É importante enfatizarmos o caráter de ‘visita’ dessa ação, em oposição ao de ‘inspeção sanitária’, que consiste em apurar irregularidades e responsabilizar os infratores”, explicou o diretor da Visa Manaus, Ewerton Wanderley. “A ‘Mercado Seguro’ destaca um outro aspecto igualmente fundamental do nosso trabalho para garantir a segurança sanitária da população: a educação, como forma de prevenir problemas futuros. É muito importante que nossos cidadãos conheçam as boas práticas sanitárias e saibam identificar possíveis irregularidades em situações cotidianas, como uma ida ao supermercado”, lembrou.

 

A advogada aposentada Cristina Navarro, 63, apoiou a iniciativa. “Gostei bastante da ideia de uma ação voltada ao público, para informar, indo além da fiscalização que a gente já conhece. Nós, como consumidores, ficamos mais atentos, e os funcionários, que às vezes não recebem a formação adequada e acabam cometendo erros sem perceber, também fazem melhor o seu trabalho. É ótimo para todos”, opinou.

 

A funcionária pública Sâmia Barros, 45, por sua vez, sugeriu que a ação se torne uma constante. “Espero ver um prosseguimento desse trabalho, que é necessário para todos. Cada pessoa traz hábitos que nem sempre são adequados, do ponto de vista sanitário, e a educação permanente é uma forma de melhorar nossas condutas”, apontou.

 

Embora a “Mercado Seguro” tenha como foco a educação e a prevenção, o trabalho fiscalizador não ficou de lado. Em um estabelecimento da zona Centro-Sul, foram identificados cerca de 22 quilos de linguiça de frango, e outros 7 kg de carne moída em condições irregulares de acondicionamento, os quais foram removidos do açougue e inutilizados com água sanitária no próprio estabelecimento.

 

A operação “Mercado Seguro” continua neste domingo, 13, com novas visitas a supermercados nas diferentes zonas da cidade. Mais jornadas de educação sanitária estão programadas para os próximos finais de semana na capital amazonense, marcando o esforço da Prefeitura de Manaus em qualificar o público também nos dias de maior movimentação do comércio.

 

A população de Manaus pode denunciar irregularidades sanitárias relativas a produtos e serviços, por meio da Ouvidoria da Visa Manaus, no número (92) 98842-8481, ou pelo e-mail visamanaus.ouvidoria@gmail.com.

 

— — —

Texto – Renildo Rodrigues / Semsa

Fotos – Divulgação / Semsa

Disponíveis em– https://flic.kr/s/aHBqjzC73X

 

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse