Notícias

Prefeitura inicia campanha alusiva ao Dia Nacional de Luta da População em Situação de Rua

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), realizou, nesta segunda-feira, 16/8, a abertura da programação alusiva ao Dia Nacional de Luta da População em Situação de Rua, celebrado no dia 19 de agosto. O tema deste ano é “Vida na Rua” e a solenidade aconteceu no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), localizado no bairro Petrópolis, zona Sul.

 

 

Dados da Semasc apontam o registro de 882 pessoas em situação de rua cadastradas nos equipamentos Centro Pop, Serviço de Acolhimento Institucional (SAI) Amine Daou Lindoso e Abrigo Gecilda Albano, além de dois abrigos para indígenas venezuelanos warao.

 

“O prefeito David Almeida deu a orientação para que a Semasc esteja próxima à população em situação de rua e olhe para todos os públicos em situação de vulnerabilidade e risco social. Temos diversas demandas sociais no município e nosso trabalho é sempre voltado a oferecer o melhor atendimento à população”, declarou a secretária da Semasc, Jane Mara Moraes.

 

A programação segue até o dia 19/8, com a realização de ações integrativas nos diferentes espaços. Na quinta-feira, 19, Dia Nacional de Luta da Pessoa em Situação de Rua, será realizada uma Ação de Mobilização, na praça da Matriz, no Centro.

 

“Esse dia alusivo é para falar e dar visibilidade para as pessoas em situação de rua. Uma vez que elas estão nessa condição, necessitam ser ouvidas e mostrar à sociedade que merecem respeito e dignidade”, afirmou a coordenadora de projeto e assistente social da Comunidade Católica Nova e Eterna Aliança, Francilene Carneiro.

 

O Centro Pop atende, em média, 120 pessoas diariamente, com refeição, higienização, guarda-pertences, atendimento psicossocial, entre outros serviços.

 

“Para mim foi de grande ajuda, já que estou desempregado e em situação de rua. Eu vim no Centro Pop e me indicaram o abrigo Amine Daou, que está me ajudando bastante em tudo que estou precisando, para que eu possa sair dessa situação”, disse Rafael Cunha, atendido no Serviço de Acolhimento Amine Daou Lindoso.

 

Também participam das atividades da Semana de Luta da Pessoa em Situação de Rua, as secretarias municipais de Saúde (Semsa), de Educação (Semed), do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), Fundo Manaus Solidária, Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) e o Núcleo de Assistência à Criança e Família em Situação de Risco (Nacer).

 

— — —

Texto – Fabiana Araújo /Semasc

Fotos – Marcely Gomes / Semcom

Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHsmWqpWaA

 

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse