Notícias

Prefeitura de Manaus abre vacinação nas ‘casinhas’ para facilitar acesso de crianças e adolescentes

A Prefeitura de Manaus está abrindo a vacinação nas unidades de saúde de pequeno porte, conhecidas como “casinhas”, para facilitar a adesão da população na Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite e de Multivacinação, aberta na última segunda-feira, 8/8. A estratégia da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) visa alcançar um número maior de crianças e adolescentes com o calendário básico incompleto.

 

 

 

 

A subsecretária municipal de Gestão da Saúde, Aldeniza Araújo, informou que a vacinação em mais de 80 “casinhas” irá ocorrer semanalmente, conforme estratégia de cada unidade. Os Agentes Comunitários de Saúde (ACSs) irão realizar busca ativa para identificar os jovens com atraso vacinal e direcionar as famílias para os postos de imunização.

“A secretaria está mobilizando todos os esforços para ampliar a cobertura vacinal na cidade, que está baixa para quase todos os imunizantes considerados prioritários. Os profissionais das ‘casinhas’ estão mais próximos da comunidade, então acreditamos que essa estratégia vai contribuir muito para o sucesso da campanha em Manaus”, disse Aldeniza.

As equipes da Semsa estão realizando a tradicional visita casa a casa para orientar a população a participar da campanha, além de incrementar o uso do WhatsApp durante a busca ativa. Os ACSs pedem que os pais ou responsáveis enviem fotos da caderneta de imunização para analisar se há alguma pendência no esquema vacinal.

A enfermeira Therezinha Coutinho, da UBS N-08, destacou que a utilização do aplicativo de mensagem dá agilidade no contato com as famílias.

“Se for detectado algum atraso vacinal, a gente encaminha a mãe para a unidade de saúde. Também conseguimos identificar os usuários com doses pendentes por meio de um dashboard da Semsa (painel de monitoramento), e também entramos em contato via WhatsApp para orientar essa família. Se eles estiverem com as doses completas, a gente dá aqueles parabéns e celebra”, informou Therezinha.

Nesta terça-feira, 9/8, a UBS L-14 (rua Fábio Lucena, 45, Tancredo Neves) foi uma das unidades de pequeno porte que ofertou a vacinação. A diretora do Departamento do Distrito de Saúde Leste, Rosângela Castro, explicou que a busca ativa é uma ação assertiva que leva a vacina para mais perto da comunidade.

“Como estamos mais próximos, as mães não precisam gastar dinheiro com passagem de ônibus e trazem as crianças mais rápido para atualizar a caderneta de vacinação. Com isso, conseguimos proteger nossas crianças contra várias doenças, então, estamos aguardando todos, mães, pais, avós e os responsáveis”, contou.

Gecivânia da Silva ficou sabendo da abertura de um posto de vacina mais perto por meio da busca ativa da Semsa, e aproveitou para garantir a imunização do filho.

“A agente de saúde foi na minha casa verificar se tinha criança para imunizar, e isso é uma maneira de incentivar que a gente venha e traga nossas crianças, porque é muito importante. Poder participar dessa campanha próximo de casa é bom demais, então faço o convite para que todos aproveitem”, afirmou.

Além desses pontos, a população pode buscar uma das 171 salas de vacina que fazem parte da rotina da secretaria, cujos endereços estão disponíveis no site da Semsa (semsa.manaus.am.gov.br) ou no link bit.ly/salasdevacinamanaus. Os usuários devem apresentar documento de identificação com foto e cartão de vacina.

— — —

Texto – Victor Cruz / Semsa

Fotos – Henrique Souza / Semsa

 

Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHBqjA2naH

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse