Notícias

Prefeitura apresenta o Vacinômetro municipal em congresso internacional sobre enfrentamento à pandemia

A Prefeitura de Manaus irá apresentar o Vacinômetro municipal como case de sucesso durante o 15º Congresso Internacional Rede Unida, evento que irá destacar o enfrentamento à pandemia de Covid-19. O congresso será realizado entre os dias 16 e 19/6, na cidade de Vitória (ES).

 

 


 

 

O Vacinômetro, desenvolvido pelo Departamento de Tecnologia da Informação (DTI) da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), será apresentado neste sábado, 18/6, pela analista de sistemas Cleudivania Lopes, criadora da plataforma, e pelo chefe de Sistemas de Gestão da secretaria, Claudenir Maia. A ferramenta pode ser acessada por toda a população por meio do link vacinometro.manaus.am.gov.br.

 

O secretário municipal de Saúde, Djalma Coelho, afirmou que o empenho dos profissionais de TI contribuiu para o sucesso da campanha de imunização contra a doença na capital.

 

“Diante da pressão da sociedade por transparência no processo de vacinação, a Semsa conseguiu disponibilizar em tempo hábil um sistema que atendeu essa necessidade, contribuindo com uma melhor gestão, monitoramento e controle da campanha. Sem dúvidas, essa ferramenta foi fundamental no avanço que Manaus obteve no controle da doença através das vacinas”, disse.

 

A analista de sistemas Cleudivania Lopes explicou que a idealização do Vacinômetro ocorreu no início da vacinação contra a Covid-19 em Manaus, em janeiro de 2021. Em princípio, de acordo com ela, o sistema fornecido pelo Ministério da Saúde seria usado, mas diante de falhas e instabilidade, o DTI da Semsa desenvolveu uma ferramenta própria para controle da aplicação de doses e transparência aos dados, o Sistema Municipal de Vacinação (SMV).

 

“O sistema possibilitou um pré-cadastro da sociedade, agendamento prévio das aplicações e registro da vacina em tempo real, feito pelos profissionais da Divisão de Imunização da secretaria. Diante dessa inovação, conseguimos fornecer total transparência à sociedade em geral e aos órgãos de controle sobre a aplicação das doses contra a Covid-19, surgindo o Vacinômetro de Manaus”, explicou Cleudivania.

 

O chefe de Sistemas de Gestão da Semsa, Claudenir Maia, ressaltou que, desde sua criação, a plataforma passou por algumas evoluções para fornecimento de dados conforme estrutura preconizada pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) e outras organizações independentes, como a Open Knowledge Brasil. Os dados contidos nela são usados diariamente tanto pela Semsa, para fornecer aos órgãos de Controle, quanto pela impressa, para prestar informações à sociedade.

 

“Será importante compartilhar a nossa iniciativa com gestores de outras localidades. Além disso, iremos assistir as apresentações de demais projetos com o intuito de trazer mais conhecimento e ideias para que a Tecnologia da Informação possa contribuir ainda mais nos processos de melhorias dos trabalhos fornecidos pela Semsa à nossa população”, declarou Claudenir.

 

Vacinômetro

 

O Vacinômetro municipal permite a visualização, em tempo real, via internet, do número de pessoas vacinadas por dose (1ª, 2ª, 3ª e 4ª), do total de vacinados por dia, além de percentuais da imunização da população da capital, estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

A ferramenta apresenta, ainda, um gráfico com o comparativo das doses aplicadas, a cada dia de atendimento, nos pontos de vacinação da Semsa. O número de pessoas vacinadas também pode ser visualizado por grupo prioritário e faixa etária.

 

— — —

Texto – Victor Cruz / Semsa

Fotos – Camila Batista / Semsa

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse