Notícias

Moura Tapajóz recebe oficina prática de Especialização em Enfermagem Neonatal

A maternidade Dr. Moura Tapajóz, unidade integrante da rede municipal de saúde, da Prefeitura de Manaus, recebe nesta quinta e sexta-feira, 28 e 29/4, a segunda oficina prática do curso de especialização em Enfermagem Neonatal promovido pelo Ministério da Saúde, em parceria com o Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia) e o Instituto Fernandes Figueira. A oficina, que tem carga horária de 20 horas e está sendo realizada no auditório da unidade, localizada na Compensa, zona Oeste, aborda os temas “Método Canguru”, “Reanimação Neonatal”, “Transporte de Alto Risco”, além de “Prevenção e Indicadores de Hipotermia”.

 

Moura Tapajóz recebe oficina prática de Especialização em Enfermagem Neonatal

 

O curso de especialização integra as ações do QualiNeo, estratégia à qual a Moura Tapajóz aderiu em março de 2021 criada pelo Ministério da Saúde para reduzir as taxas de mortalidade neonatal (até 28 dias de vida) e qualificar a atenção aos recém-nascidos nas maternidades.

Com o QualiNeo, o Ministério da Saúde passou a oferecer, por meio da Coordenação-Geral de Saúde da Criança e Aleitamento Materno (CGSCAM), apoio técnico à maternidade, de forma sistemática e integrada, buscando a formação e a qualificação do cuidado e da gestão a partir do estabelecimento de relações colaborativas, promovendo interações, trocas de experiências e conhecimento.

O gerente de Enfermagem da MMT, enfermeiro obstetra Everton de Freitas Gomes, destaca a importância das oficinas. “As oficinas têm o intuito de realizar a qualificação dos enfermeiros na assistência neonatal para a redução dos indicadores de saúde, como a mortalidade nesse coeficiente”, explicou. “Além das atividades teórico-práticas, também faremos uma visita à maternidade e, posteriormente, avaliaremos e discutiremos tudo que foi visto”, ressalta.

Ele acrescenta que os quatro enfermeiros que participam da especialização representando a Moura Tapajóz atuam nas Unidades Neonatais que, conforme portaria do Ministério da Saúde, são subdivididas em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (Utin); Unidade de Cuidados Intermediários Convencionais (Ucinco); e Unidade de Cuidados Intermediários Canguru (Ucinca).

Em Manaus, além da Moura Tapajóz, também possuem representantes na especialização as maternidades Ana Braga, Balbina Mestrinho, Dona Nazira Daou e Instituto da Mulher Dona Lindu. O primeiro encontro do curso de especialização ocorreu em março, no auditório do Instituto da Mulher Dona Lindu, no bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul.

As oficinas práticas do curso vão ocorrer durante seis meses, com aulas presenciais uma vez ao mês e os enfermeiros participantes têm por objetivo disseminar os dez passos do cuidado neonatal.

— — —

Texto – Marcella Normando/Semsa

Foto – Divulgação/ Semsa

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse