Notícias

Creches da Prefeitura de Manaus vão receber doação de Equipamentos de Proteção Individual

Na próxima semana, as creches da Prefeitura de Manaus vão receber Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para oferecer mais segurança contra a propagação do novo coronavírus, causador da Covid-19, aos alunos, professores e servidores. Entre os materiais, doados para a Secretaria Municipal de Educação (Semed), estão macacões descartáveis, aventais, luvas descartáveis, máscaras N95 e de proteção ao rosto, protetor de sapatos descartáveis, pilhas e álcool líquido.

 

 

“Só temos a agradecer por essa doação, porque os materiais são de altíssima qualidade, inclusive são usados em hospitais. A gestão do prefeito David Almeida tem uma preocupação muito grande com a segurança dos alunos nas escolas contra a Covid-19, e esse material doado vai nos ajudar a proteger ainda mais nossas crianças”, destacou o subsecretário de Infraestrutura e Logística da Semed, Marcelo Campbell.

Os materiais foram doados pelo projeto @Infludobem, um grupo sem fins lucrativos criado quando a cidade de Manaus entrou em colapso ocasionado pela crise do oxigênio em todo o Amazonas no início do ano. Na época, o grupo chegou a arrecadar R$ 20 mil para compra de EPIs e comida para serem doados a pessoas internadas e acompanhantes.

Sobre a doação para a Semed, umas das idealizadoras da ação social, Bárbara Campbell, destacou que o grupo fez toda uma análise do panorama epidemiológico de Manaus.

“Quando esses EPIs chegaram até nós, as unidades de saúde não estavam precisando e ficamos esperando para ver se teria uma terceira onda da Covid-19 para encaminhar. E como a previsão é que não haja essa terceira onda mais em Manaus, perguntamos se a Semed aceitaria receber essas doações e fazer melhor uso.  E assim foi feito”, explicou.

De acordo com a gerente das creches da rede municipal de ensino, Wissilene Brandão, os EPIs são imprescindíveis. “Considerando que o nosso atendimento aos nossos bebês é de muita proximidade, de muita troca de pele, a professora, por exemplo, fica com bebê no colo, ela brinca com ele, ou seja, mantém muito contato, qualquer material de proteção individual para nossas creches é muito bem-vindo. E a iniciativa dessa jovem, que vem de mobilização social é linda, porque vemos o engajamento da sociedade em prol do nosso trabalho”, afirmou.

 

— — —

Texto – Emerson Santos / Semed
Fotos – Cleomir Santos / Semed

 

 

 

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse