Notícias

Aluna finalista da Olimpíada Brasileira de Informática recebe incentivo na Aleam

A aluna da Prefeitura de Manaus, Emily Felipe Padron, 11, única representante do Amazonas na fase nacional da Olimpíada Brasileira de Informática, participou da cessão de tempo, na manhã desta terça-feira, 28/9, na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam). O evento foi uma forma de divulgar o trabalho realizado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio da escola municipal Ester, localizada na BR-174, Km 08, zona rodoviária, e também de incentivar a estudante, que está no 5º ano do ensino fundamental.

 

 

A fase nacional da Olimpíada será realizada neste sábado, 2/10, de forma remota. Emily participa na modalidade de “iniciação” fase Júnior, que inclui alunos do 4º e 5º ano. A etapa municipal foi em junho, e a estadual em agosto. As provas contaram com 20 questões de raciocínio lógico, com abordagem de diversos temas.

A diretora da escola Ester, Naomi Hattori, disse que a classificação da Emily representa uma conquista de toda a comunidade escolar.

“Nós tivemos uma grande surpresa, ela participou de duas fases, uma municipal e outra estadual e agora vai participar da fase nacional. Foi uma homenagem belíssima que a aluna recebeu na Assembleia. Ficamos muito agradecidos, porque é o reconhecimento de todo o trabalho desenvolvido na escola, pelos professores, porque ela estuda desde do 1º ano na escola. Isso é um prêmio para toda a comunidade escolar e estamos muito felizes por conta disso”, explicou.

Responsável pela homenagem, a deputada estadual Terezinha Ruiz parabenizou a aluna e declarou que nada mais justo do que ter esse reconhecimento e incentivo do órgão legislativo.

“É importante porque estamos destacando o trabalho que é realizado pela escola, pelos professores, diretora e equipe da divisão rural, tendo em vista que a escola está em reforma e não se deixou desanimar. Pelo contrário, foi em busca de apoio em outras escolas, onde a criança se torna uma referência por chegar na fase nacional”, contou.

Emily contou com a ajuda da sala do Telecentro da escola municipal Maria Leide Amorim, na BR-174, Km 03, para se preparar para a competição.

 

Homenageada


Emily Padron conta que teve que estudar muito e que teve que superar as dificuldades para chegar a fase nacional.

“Feliz e um pouco surpresa, porque as provas foram bem difíceis. Fico muito honrada de receber esse reconhecimento e mais ainda de representar a minha cidade e o meu Estado. Vou estudar muito agora para conseguir passar na prova de sábado. Com essa classificação eu incentivo outros colegas da escola a tentar o mesmo ano que vem”, disse.

 

Resultado

 

Uma das coordenadoras do projeto Procurumim, Milene Monteiro, da Gerência de Tecnologia Educacional (GTE) da Semed, afirmou que tudo isso é resultado de todo um trabalho realizado pela secretaria com os alunos da rede municipal dentro do projeto.

“Para a gente é uma honra, porque nosso objetivo, como sempre falo, é popularizar a programação em robótica. Isso chega como prêmio, porque estamos no caminho certo. A Emily é uma aluna dentre as que existem em nossa rede, mas é uma luz no final do túnel. Sabemos que futuramente terão outras crianças que chegarão no mesmo nível“, finalizou.

 

 

— — —

Texto – Paulo Rogério / Semed

Fotos – Cleomir Santos / Semed

Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHsmWLNhGn

 

 

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse