Notícias

Agentes de trânsito da prefeitura recebem mais dez novas motos para agilizar tempo de resposta na zona Sul de Manaus

O prefeito de Manaus, David Almeida, entregou, na manhã desta quarta-feira, 27/10, mais dez motocicletas para melhorar o tempo de resposta às demandas da população em relação à mobilidade urbana e à fiscalização de estacionamento do sistema Zona Azul, que disciplina o estacionamento de veículos no centro da cidade.

 

 

“Essas motos têm o objetivo de melhorar as condições de trabalho dos servidores do Instituto de trânsito e transporte, além de aumentar a fiscalização da Zona Azul no centro de Manaus e assim avançar na mobilidade urbana da capital”, enfatizou o prefeito David Almeida.

 

O diretor-presidente do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Paulo Henrique Martins, destacou os benefícios à população com a aquisição dessas motocicletas e as outras ações do Instituto para a área central da cidade.

 

“Essas motocicletas ficarão aqui no centro da cidade, cobrindo toda a zona Sul, então teremos um tempo de resposta muito mais rápido àquelas demandas que a população envia para a gente, melhorando a operação e o tempo de resposta à população que nos auxilia na fiscalização e controle do trânsito”, afirmou.

 

Durante o evento de entrega das motocicletas, que ocorreu na base do IMMU do centro da cidade, localizado ao lado da “Garaginha” das secretarias municipais de Limpeza Urbana (Semulsp) e de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc), o diretor-presidente Paulo Henrique salientou que o objetivo é reformar e entregar bases por todas as zonas da cidade para garantir respostas rápidas e assertivas à população.

 

Zona Azul

 

A implantação do sistema de estacionamento rotativo segue recomendação do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), visando à mobilidade urbana nas cidades e proporcionar maior fluidez ao trânsito, por meio da organização das vias. Com o reforço das motocicletas, os agentes poderão se revezar em dois turnos e ampliar as fiscalizações em torno da área de abrangência da zona Azul.

 

O sistema é operado pelo Consórcio Amazônia, com 1.500 vagas de estacionamento disponíveis na avenida Eduardo Ribeiro e nas ruas 10 de Julho, Barroso, Henrique Martins, Rui Barbosa, 24 de Maio, Costa Azevedo, Marçal, Dona Libânia, Monsenhor Coutinho, Tapajós, Lobo D’Almada, Joaquim Sarmento, José Clemente, Ramos Ferreira, Frei Lourenço e Ferreira Pena.

 

O Zona Azul funciona de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados, das 8h às 17h. No domingo não há cobrança pelo sistema. O valor cobrado, de segunda a sábado, é de R$ 2,45 a cada hora.

 

— — —

Texto– Maryane Maia/Semcom

Fotos – Ruan Souza/Semcom

 

Disponíveis em https://flic.kr/s/aHsmX6kix2

 

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse