Notícias

Workshop da Visa Manaus orienta sobre cuidados com manipulação e higiene de alimentos

A importância do controle de qualidade dos alimentos para que se tenha o cuidado sanitário necessário com os procedimentos de manipulação e higiene, para evitar qualquer tipo de contaminação à população, foi um dos temas abordados pela Vigilância Sanitária da Prefeitura de Manaus (Visa Manaus), durante workshop de capacitação e atualização promovido pela Associação Amazonense de Supermercados (Amase), nesta quarta-feira, 19/9, no Centro de Convenções do Manaus Plaza.

 

Workshop da Visa Manaus orienta sobre cuidados com manipulação e higiene de alimentos

 

O evento reuniu mais de 300 supervisores, gerentes e proprietários do segmento supermercadista da capital com o objetivo de fortalecer as estratégias de qualidade no atendimento ao cliente.

 

Ao longo do workshop, que também contou a participação do Procon Amazonas, a Visa Manaus expôs a importância das normas sanitárias aplicadas à produção, transporte, armazenamento e comércio de alimentos para evitar riscos à saúde dos consumidores.

 

O fiscal Jorge Carneiro e a gerente de Vigilância de Produtos, Hellen Souza, orientaram os participantes sobre legislação sanitária e boas práticas em supermercado. Eles também esclareceram dúvidas e deram exemplos de condutas certas e erradas do ponto de vista sanitário.

 

“É essencial que todos, do atendente ao proprietário, conheçam as normas e atuem como fiscais dentro do próprio estabelecimento”, destacou Hellen Souza.

 

Ela disse que os supermercados devem dar atenção permanente à temperatura dos alimentos congelados, à higiene e organização do ambiente e à data e condições de validade dos produtos. Ela também ressaltou a importância de haver responsáveis técnicos em cada loja.

 

Educação

A diretora da Visa Manaus, Maria do Carmo Leão, abordou as competências do órgão e destacou o papel educativo da vigilância. “A participação nesse evento pioneiro da Amase evidencia, mais uma vez, a orientação como uma das linhas de trabalho da Visa, que, muitas vezes, é vista apenas como órgão fiscalizador e punitivo”, disse.

 

De acordo com a diretora, ainda durante o workshop, Visa e Amase discutiram a possibilidade de realizar ações educativas de forma conjunta, para esclarecer e sensibilizar tanto os colaboradores dos supermercados quanto a população. Uma das propostas iniciais é uma campanha de divulgação sobre cuidados com a qualidade dos alimentos.

 

Os serviços prestados pela Ouvidoria Visa Manaus (0800 092 0123), coordenada pela fiscal Nilza Negreiros, também foram apresentados aos participantes do evento.

 

Maria do Carmo Leão disse que as denúncias feitas pelo canal respondem por parte do planejamento de fiscalizações do órgão. “A população é quem está mais perto dos serviços e por isso representa os olhos da vigilância em todos os cantos de Manaus”.

 

Texto: Andréa Arruda/Visa Manaus/Semsa

Foto: Divulgação/Visa Manaus/Semsa

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse