Notícias

Unidades de saúde de horário ampliado oferecem vacina pentavalente

A Prefeitura de Manaus informa que a partir de quarta-feira, 4/12, a vacina pentavalente será disponibilizada exclusivamente nas dez unidades de saúde, coordenadas pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), que funcionam em horário ampliado.

 

Unidades de saúde de horário ampliado oferecem vacina pentavalente

 

A nova estratégia está sendo adotada considerando a redução no número de doses da vacina que o Ministério da Saúde tem enviado ao município nos últimos meses. Enquanto a média mensal normal do abastecimento é de 20 mil doses, o último lote foi de apenas três mil doses.

 

A vacina pentavalente garante a proteção contra a difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e contra a bactéria haemophilus influenza tipo b, responsável por infecções no nariz, meninge e na garganta.

 

Concentrando a oferta do serviço nas dez unidades de saúde de horário ampliado e não em todas as 183 salas de vacina como é feito normalmente, a intenção da Prefeitura de Manaus é garantir que a população saiba onde poderá acessar o serviço com mais facilidade.

 

“Se houvesse a distribuição normal em todas as salas de vacina, o estoque em algumas UBSs iria terminar muito rapidamente e o paciente precisaria gastar tempo procurando outras unidades de saúde para ter acesso ao serviço. Com a nova estratégia, a população terá a informação correta sobre os locais de oferta do serviço com mais certeza de encontrar a vacina”, explicou a diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica (Devae/Semsa), Marinélia Ferreira.

 

O responsável pelo abastecimento da vacina pentavalente é o Ministério da Saúde, porém o mesmo tem sido feito de forma irregular, em todo o Brasil, desde o mês de julho.

 

A vacina é adquirida por intermédio da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e os lotes adquiridos foram reprovados em testes de qualidade feitos pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) e análise da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), segundo informações repassadas pelo Ministério da Saúde. Por este motivo, as compras com o antigo fornecedor, a indiana Biologicals E. Limited, foram interrompidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que pré-qualifica os laboratórios.

 

O sistema de vigilância em saúde do ministério monitora continuamente os estoques de vacinas, investiga o quantitativo distribuído aos estados e planeja, reabastecimento dos estoques de rotina, extrarotina e emergência.

 

Endereços

 

As dez Unidades de Saúde que funcionam em horário ampliado em Manaus, de segunda a sexta-feira das 7h às 21h e aos sábados das 8h às 12h, são:

 

Zona Leste

 

UBS Leonor Brilhante – av. Autaz Mirim, 8.004, bairro Tancredo Neves;

UBS Amazonas Palhano – rua Antônio Matias, s/nº, bairro São José;

UBS Alfredo Campos – rua André Araújo, s/nº, Zumbi 2.

 

Zona Norte

 

UBS Augias Gadelha – rua A, 15, Cidade Nova;

UBS Sálvio Belota – rua das Samambaias, s/nº, Santa Etelvina;

UBS Balbina Mestrinho – rua 17, 170, Núcleo 3, Cidade Nova.

 

Zona Oeste

UBS Leonor de Freitas – av. Brasil, s/nº, Compensa;

UBS Deodato M. Leão – av. Presidente Dutra, s/nº, Glória.

 

Zona Sul

UBS Dr. José Rayol – av. Constantino Nery, s/nº, Chapada;

UBS Morro da Liberdade –  rua São Benedito, s/nº, Morro da Liberdade.

— — —

 

Texto – Eurivânia Galúcio / Semsa
Foto – Arquivo / Semcom

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse