Notícias

Tuberculose

A Rede de Monitoramento e Avaliação para o Controle da Tuberculose no Brasil (Rede M&A TB-Brasil) realiza reunião em Manaus nesta terça-feira, 16, das 8h30 às 17h30 no Da Vinci Hotel & Convenções, localizado à rua Belo Horizonte, 240, Adrianópolis. Formada por setores governamentais e organizações da sociedade civil que realizam ações para o controle da tuberculose no Brasil a rede engloba os Estados com a maior carga da doença. Estarão reunidos na capital amazonense integrantes do Ponto 3, formado por Amazonas, Pará e Maranhão.

A programação prossegue de quarta, 17, até sexta-feira, 19, com uma Oficina de Monitoramento e Avaliação promovida pela Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde, por meio do Programa Nacional de Controle da Tuberculose (PNCT). Além do monitoramento e avaliação das ações e atividades da rede, os participantes vão elaborar o Plano de Trabalho a ser desenvolvido ao longo de 2009. No último dia, será realizado um seminário conjunto com os programas de hepatites virais e DST/Aids.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Francisco Deodato, a troca de informações e de experiências profissionais entre indivíduos e instituições governamentais e da sociedade civil pretendida pela Rede M&A é de suma importância para o acompanhamento e a avaliação de indicadores e de ações para o controle da tuberculose.

“Ao promovermos a formação e a interação de parcerias podemos ampliar a troca de conhecimentos e experiências e dessa forma desenvolver políticas públicas para reduzir indicadores epidemiológicos da tuberculose no município de Manaus, que apontam um cenário de significativa gravidade quando comparados com aqueles dos demais grandes centros urbanos”, avaliou Francisco Deodato.

Números

Recentemente, durante o Fórum Internacional “Stop TB” realizado no Rio de Janeiro, o Ministério da Saúde apresentou dados que colocavam o município de Manaus como tendo a 4ª maior incidência entre as capitais do País e o Estado do Amazonas mantendo-se como a 2ª maior incidência entre as unidades da Federação, considerando os casos de tuberculose de todas as formas.

Estudo realizado sobre os casos de tuberculose em Manaus no período de 2000 a 2005 demonstrou que os casos se concentram principalmente entre os adolescentes e adultos jovens (cerca de 50% na faixa etária de 15 a 34 anos). A taxa de incidência a partir de 55 anos é praticamente o dobro quando comparada com a taxa de incidência da faixa etária de 15 a 24 anos, justificando a adoção de estratégias que alcancem esse grupo mais exposto ao risco de ocorrência de tuberculose.

“As taxas de Manaus são duas vezes maiores que a incidência nacional, ratificando a gravidade da doença, cenário que vem se mantendo nos últimos anos”, afirmou o enfermeiro Jair dos Santos Pinheiro, da Equipe Técnica Municipal de Controle da Tuberculose.

A taxa de mortalidade de tuberculose é outro indicador que demonstra a gravidade da doença em Manaus. A taxa do Brasil vem se mantendo abaixo de três mortes para cada 100 mil habitantes. Estudos realizados sobre a padronização dessa taxa para Manaus indicam valores acima de quatro para cada 100 mil habitantes.

“Este cenário requer o fortalecimento da descentralização das ações de controle da tuberculose para a rede básica de saúde visando a melhoria da qualidade da assistência e a minimização dos problemas ocasionados pela doença”, concluiu Francisco Deodato.

Programação da reunião da Rede de Monitoramento e Avaliação – Ponto 3 – 16/06/2009

8h30 às 9h30 – O que é monitoramento e avaliação?

9h30 às 10h30 – Qual a relação do M&A com planejamento com vigilância em saúde e com controle social?

10h30 às 12h30 – Quais os recursos humanos e materiais disponíveis nos estados/municípios (OG e OSC) para realizar M&A?

12h30 – Almoço

13h30 às 15h30 – Como monitorar e avaliar os planos municipais de controle da tuberculose? Como a Rede pode ajudar?

15h30 – Intervalo para o café.

16h – Ampliação e sustentabilidade da Rede.

É possível que estados/municípios (OG-OSC) incorporem ações da Rede M&A em seus planejamentos para 2010?

Quando ocorrerá o planejamento dos estados e municípios para o próximo ano?

Como incorporar as ações da Rede no planejamento, se for possível?

17h30 – Plenária de encerramento.

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse