Notícias

Rotta recebe grupo pioneiro na implantação do BRT no Brasil

Construindo uma agenda positiva sobre mobilidade urbana para Manaus, o vice-prefeito Marcos Rotta recebeu nesta terça-feira, 14, um grupo de empresários do setor, que participou de todos os projetos de implantação do Bus Rapid Transit (BRT) já desenvolvidos no Brasil e alguns também no exterior.

 

A reunião, realizada na sede da prefeitura, localizada na Compensa, zona Oeste da capital, abriu novas possibilidades na busca da modernização do Sistema de Transporte Coletivo, com a apresentação de novas tecnologias, já utilizadas em cidades como Curitiba e Goiânia, que aprimoraram o próprio conceito do BRT.

 

Segundo o vice-prefeito de Manaus, a prefeitura está estudando várias alternativas para definir a melhor solução para Manaus, pensando no custo/benefício de cada modal, nas melhorias reais oferecidas para os usuários e, ainda, no aprimoramento da gestão do transporte coletivo.

 

“Nós estamos ouvindo e criando alternativas para que o prefeito Arthur Virgílio Neto possa decidir qual a melhor opção para cidade, considerando o seu traçado urbano e outras peculiaridades importantes. Estamos muito focados para tornar real a nossa meta de implantar um novo modal a altura de uma cidade de mais dois milhões de habitantes e que atenda os anseios da população que se utiliza do transporte coletivo”, explicou Marcos Rotta.

 

Entre os representantes que participaram do encontro, Ayrton Amaral Filho, do grupo Volvo América Latina, é considerado umas das maiores sumidades no mundo quando o assunto é BRT. Em sua apresentação, ele destacou a preocupação com o futuro e com a qualidade de vida da população na construção de um projeto de mobilidade urbana.

 

“Trabalhamos em cima da demanda e da produtividade de cada cidade, criando sistemas de transporte coletivo inteligentes. Trouxemos aqui alguns dos nossos principais trabalhos para mostrar que é possível unir tecnologia veicular e conectividade para criar um sistema de transporte de qualidade, confortável, 100% eficiente e amigável ao meio ambiente”, disse Ayrton.

 

A prefeitura pretende começar ainda este ano as intervenções necessárias para a implantação de um novo modelo de transporte coletivo da capital. As obras preveem, entre outras medidas, a criação de novas vias troncais, a construção de novos terminais de integração e outras obras de mobilidade que devem se estender por, pelo menos, quatro anos.

 

Também participaram da reunião o superintendente municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Audo Albuquerque, o secretário municipal de Comunicação (Semcom), Marcos Santos, além da equipe de técnicos dos grupos Volvo, Systra e Tracbel.

 

TEXTO: Alita Falcão / Semcom

FOTOS: Alex Pazuello / Semcom

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHskNYCbrJ

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse