Notícias

Prefeitura intensifica ações de recuperação de ruas já no início do ano

A Prefeitura de Manaus já começou o ano intensificando as ações em recuperação de vias nos bairros de Manaus. Áreas como Petrópolis, Centro, Nova Esperança, Jorge Teixeira, Amazonino Mendes e comunidade Fazendinha são alguns dos pontos que estão recebendo os serviços de drenagem profunda, recapeamento asfáltico, terraplanagem e drenagem superficial. As obras são executadas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf).

 

Um dos trabalhos que está sendo executado é a instalação de uma rede de drenagem profunda de 1,20 metros na rua Coronel Conrado, no bairro Petrópolis, zona Sul. A área, que sofria alagações durante a chuva recebe uma nova rede de drenagem, que dará vasão correta as águas pluviais. Após a finalização da rede de drenagem, será construída uma nova pavimentação asfáltica, além da confecção de meio-fio e sarjeta.

 

Outro ponto que também está recebendo a instalação de uma rede de drenagem é o bairro Nova Esperança. Na rua Independência, os trabalhos de instalação de uma nova rede já foram iniciados e acabarão com problemas de alagamentos no local. Serviço semelhante ocorre na rua E, do conjunto Promorar, no bairro Alvorada, zona Centro-Oeste.

 

Na comunidade Fazendinha, os trabalhos de instalação de uma rede de drenagem na rua Uirapuru seguem em ritmo acelerado. Assim como na rua Penetração III, no bairro Amazonino Mendes e na rua Itautec, no Mutirão, zona Norte.

 

No Centro, na rua Lourenço Braga, uma desobstrução de bueiro está sendo executada e irá melhorar a situação de 50 famílias que moram no beco Sete de Setembro. Segundo o morador Fredson Carvalho, a cada chuva a situação no beco era complicada, porque alagava. “As equipes da prefeitura estiveram aqui e encontraram o problema, e isso já nos deixa esperançosos para que o problema seja solucionado de vez e acabe com os nossos transtornos”, destacou.

 

Segundo o diretor do Departamento de Manutenção de Infraestrutura da Seminf, José Roberto Costa, o órgão já conseguiu verificar a situação que ocasionada o problema aos moradores do beco e executou um serviço paliativo no local, pois a obstrução da rede de drenagem que está ocasionando a situação fica dentro de um terreno particular e necessita de autorização para ser feito.

 

“Além de enviarmos um oficio para o proprietário do terreno explicando a situação e demostrando a necessidade do serviço, estamos também fazendo um estudo topográfico da área para tentarmos ver uma outra opção para solucionar o caso”, disse, reforçando que a previsão é que esses serviços ainda durem até a primeira quinzena de janeiro. “Estamos no período de chuva, mas ainda assim seguindo o cronograma”, ressaltou Costa.

 

Fotos: Alexandre Fonseca / Seminf

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf): (92) 3642-3064

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse