Notícias

Prefeitura inicia programa de formação de analistas de planejamento

Em busca da implantação do planejamento estratégico e a elaboração do Plano Plurianual do município para os próximos quatro anos, a Prefeitura de Manaus iniciou nesta segunda-feira, 3/4, as aulas do primeiro módulo do “Programa de Formação de Analista de Planejamento”.

 

A capacitação é resultado de uma parceira entre as Secretarias de Administração, Planejamento e Gestão (Semad) e de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef). O curso é coordenado pela Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), órgão igado à Semad.

 

Com 19 módulos presenciais ministrados por instrutores da Espi e duração até fevereiro de 2018, a capacitação envolve servidores de todas as secretarias municipais, com conhecimentos que vão auxiliar na elaboração e execução do planejamento estratégico dentro das pastas, ação norteadora para o Plano Plurianual (PPA) e a Lei Orçamentária (LOA) do município.

 

Segundo a titular da Semad, Luiza Bessa Rebelo, a secretaria – que é responsável pelo planejamento municipal – vai gerenciar a elaboração e a revisão dos instrumentos legais para a construção do planejamento estratégico em todas as secretarias, com a contribuição desses novos analistas, que serão coordenados por um comitê formado por Semad e Semef.

 

“Os servidores que irão realizar este curso serão peças fundamentais de suas respectivas secretarias na construção do planejamento da Prefeitura. A Semad irá implantar um sistema para controlar o gerenciamento da gestão e, em parceria com a Semef, formará um comitê gestor para acompanhar a elaboração e desempenho do planejamento estratégico em cada secretaria”, destacou.

 

Responsável pelo orçamento municipal, a Semef vai orientar os analistas sobre a parte orçamentária dentro do planejamento estratégico. De acordo com subsecretário de Orçamento e Projetos da secretaria, Lourival Praia, o Programa de capacitação será fundamental para a criação do Plano Plurianual (PPA) e Lei Orçamentária do município, que terá como base o Planejamento Estratégico Municipal.

 

O subsecretário destacou que o Programa possibilitará que o Plano Plurianual do Município do período 2018-2021 seja elaborado com fases bem definidas. “Esse conhecimento adquirido será levado pelos servidores para as suas secretarias, contribuindo para a elaboração do planejamento estratégico de toda a administração municipal, respeitando o orçamento”, observou, acrescentando que serão criadas ferramentas para guardar essas informações relativas ao planejamento estratégico, evitando que sejam perdidas quando um servidor deixa o local de trabalho, por exemplo.

 

Exigência da Constituição federal, o Plano Plurianual deve conter as diretrizes, objetivos e metas a serem seguidos nos próximos anos. É elaborado no primeiro ano de governo e vigora até o primeiro ano da próxima gestão.

 

A diretora-geral da Espi, Fabiana Lacerda, ressaltou que o Programa foi pensado para preparar as pessoas que atuarão em nível estratégico, com orçamento. “É um programa extenso e com cursos ministrados por instrutores altamente qualificados, pois esse trabalho vai fortalecer as bases para as nossas atividades até 2021”, afirmou.

 

Instrutor do primeiro curso, intitulado ‘Planejamento Estratégico’, o professor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) Manoel Carlos de Oliveira Júnior, doutor em Gestão da Inovação, reforçou o impacto do programa para a sociedade. “Esse módulo de sete dias faz parte de um projeto maior, que é justamente o planejamento da nossa cidade”, concluiu.

 

Projeto-Piloto

 

Desde fevereiro deste ano, a Semad vem implantando seu próprio planejamento estratégico, por meio de um trabalho coletivo que envolve todos os servidores da secretaria na construção das metas e estratégias para os próximos quatro anos. As primeiras reuniões contaram com a consultoria do professor doutor Manoel Carlos de Oliveira Jr.

 

Segundo Luiza Bessa Rebelo, o mesmo procedimento será adotado nas demais secretarias, a fim de que o planejamento estratégico do município seja resultado de uma construção coletiva, sob orientação do comitê gestor e colaboração técnica dos novos analistas de planejamento formados pela Espi.

 

Texto: Milena Soares (Semad) e Caetaninha Cavalcante (Espi)

Fotos: Divulgação / Semad

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHskX7PaSA

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad): (92) 3215-3442

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse