Notícias

População contou com transporte coletivo reforçado no primeiro jogo na Arena

Um total de 61 linhas e 304 ônibus fizeram parte da frota de transporte coletivo disponibilizada para a população neste sábado, 14, para o jogo entre Inglaterra e Itália, o primeiro na Arena da Amazônia, em Manaus. Destas, dez são linhas especiais que saíram de pontos de embarque localizados em todas as zonas da cidade, incluindo o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em direção à Arena da Amazônia.

No aeroporto começaram a operar as linhas 332-Aeroporto/Djalma/ Centro, 308-Aeroporto/ Av. Brasil/ Centro e a Circular/Hoteleira, que passa pelos principais hotéis da zona Centro-Sul e vai até o Distrito Industrial. A linha 308, criada para atender usuários do transporte coletivo que trabalham no aeroporto, foi a linha que teve a maior demanda em seu primeiro dia de funcionamento. Foi registrada uma média de 40 usuários por viagem nos horários de pico da tarde.

Seis linhas atenderam o Complexo Turístico Ponta Negra, onde está sendo realizado a FIFA Fan Fest. Circularam pela Ponta Negra, durante todo o dia, cerca de 90 ônibus, o quantitativo estabelecido pelo dia.

Na Arena, além das linhas normais os torcedores puderam chegar ao estádio utilizando as 42 linhas normais que já circulam normalmente nas proximidades da Arena. Essas linhas tiveram os seus itinerários alterados a partir das 6h quando iniciou a interdição da avenida Pedro Teixeira, Lóris Cordovil e Alameda do Samba e Belmiro Vianez. As linhas que atendem as vias interditadas foram desviadas para as avenidas Dom Pedro, Darcy Vargas, Teomário Pinto e Desembargador João Machado.

Com a interdição da avenida Constantino Nery as 12h, as linhas seguiram para a avenida Djalma Batista, principal ponto de embarque e desembarque de passageiros durante as interdições. Participaram das operações 42 fiscais de transportes.

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse