Notícias

Medidas preventivas nos igarapés evitam transtornos durante a chuva

Os trabalhos preventivos realizados pela Prefeitura Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) puderam ser sentidos de forma positiva durante a forte chuva que atingiu Manaus na madrugada desta terça-feira, 12/9. A Zona Norte, que sempre é atingida por alagações, não registrou nenhuma ocorrência oriunda de transbordamento de igarapés.  As retroescavadeiras, pás mecânicas, caçambas e todo o maquinário necessário continuam sendo usados para o trabalho contínuo nos leitos dos igarapés.

 

Nos oito primeiros meses do ano, mais de 76 quilômetros de áreas foram dragadas em Manaus, o que equivale a mais 50 igarapés em desassoreamento. Os trabalhos, realizados pela Seminf, atendem à determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto para que, de forma preventiva, prejuízos decorrentes de alagamentos do período chuvoso sejam evitados. O serviço é preventivo e tem a finalidade de amenizar os transtornos causados à população em épocas de fortes chuvas.

 

Acompanhando, diariamente, o trabalho das equipes, o vice-prefeito e secretário de obras, Marcos Rotta, destaca que todo o trabalho realizado tem o intuito de melhorar o escoamento de águas nos períodos de fortes chuvas, evitando, dessa maneira, o transbordamento em locais mais propensos para esse tipo de fenômeno da natureza.

 

“Sabemos que Manaus é traçada por igarapés, houve crescimento desordenado, moradias irregulares nos leitos dos rios, e essa situação tem prejudicado muito a população. Mas, durante as fortes chuvas de hoje, não registramos nenhuma ocorrência mais grave, isso garante que estamos acertando na maneira de trabalhar. A determinação do prefeito Arthur Neto é que cada dia mais nos empenhemos para trabalharmos de forma preventiva, minimizando os riscos de enchentes. Alerto também para que a população use atitudes simples, como não jogar lixo nos igarapés e nas ruas, ajudando-nos a manter os locais sem riscos. Pois só de janeiro a agosto já retiramos o equivalente a 2.500 caçambas de lixo dos igarapés”, salienta Rotta.

 

 

Dragagens e desassoreamentos

Com o aumento das equipes e máquinas atuando em serviços diários de dragagem, a Seminf também está atendendo, simultaneamente, mais trechos da cidade, priorizando os locais apontados pela Defesa Civil Municipal como vulneráveis.

 

Dentre as áreas que estão recebendo ações emergenciais está o Igarapé do Passarinho, no bairro Terra Nova, Zona Norte; igarapés do Jardim Versalhes e do bairro Redenção, ambos na Zona Oeste; igarapés do Jardim Primavera, Zona Centro-Sul; Igarapé do Mindu e o beco Ayrão, situado no bairro Praça 14 de Janeiro, Zona Sul.

 

As equipes executaram, ainda, serviços nos igarapés dos bairros: Rio Piorini (avenida José Henrique Rodrigues). Parque 10 de Novembro (rua 5, conjunto Jardim Primavera); Flores (rua 1, comunidade Santa Cruz); Jorge Teixeira (avenida Itaúba); Adrianópolis (avenida Efigênio Sales); Novo Israel (Igarapé do Passarinho); Compensa (avenida Brasil); Cidade de Deus (comunidade Raio de Sol); Santa Etelvina (rua Matupiris); Cidade Nova (Igarapé do Netão); Terra Nova 3 (Igarapé do  Passarinho); Braga Mendes (rua Sucuri); Zumbi (rua São); Florestal (rua São Bento); Colônia Santo Antônio (rua José Falstino); Comunidade Rio Piorini, Fazendinha (rua Madre Tereza).

 

Texto: Polyana Brelaz

Fotos: Alexandre Fonseca

Disponível em: https://flic.kr/s/aHskNbimJw

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf): 923642-3064

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse