Notícias

Iluminação pública avança e chega à comunidade Parque das Tribos

Aproximadamente 630 famílias da comunidade Parque das Tribos, localizada no Tarumã, zona Oeste, começam a receber, a partir da próxima semana, o serviço de iluminação pública. A conclusão da primeira fase do projeto, pela Eletrobras Amazonas Energia, foi fiscalizada nesta terça-feira, 17/7, pela equipe da Prefeitura de Manaus.

17.07.18.Visita Tecnica a Comunidade Parque das Tribos

A secretária municipal de Parcerias e Projetos Estratégicos (Semppe), Maria Josepha Chaves, esteve no local, acompanhada de técnicos da Unidade Gestora Municipal de Abastecimento de Energia (UGPM Energia), fiscalizando as áreas que receberão a iluminação elétrica. Até agora, mais de 90 postes já foram instalados pela Amazonas Energia e irão receber luminárias.

“Estamos cumprindo a determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto, que prometeu a regularização da energia elétrica e implantação da iluminação aos moradores dessa comunidade. A Eletrobras está concluindo a fase de posteamento da primeira etapa para, posteriormente, ser realizada a implantação das luminárias por parte da Manausluz”, explicou Maria Josepha.

A comunidade Parque das Tribos é formada por, aproximadamente, 630 famílias, a maioria indígena de 35 etnias, que residem na localidade há quatro anos. Eles não dispunham de energia elétrica regular e nem iluminação pública.

Um dos coordenadores da Associação Indígena Karapãna (Assika), cacique Joilson da Silva Paulino, informou que as melhorias irão influenciar bastante na qualidade de vida dos moradores. Ele disse que a comunidade sempre buscou a regularização dos serviços públicos e agradeceu o esforço da prefeitura.

“Nós queremos contribuir com o município com essa regularização. Ter luz elétrica de qualidade e iluminação, sem dúvida, vai trazer mais qualidade de vida e conforto para nossas famílias”, comentou o cacique.

Já a dona de casa Ruth Kurica Sampaio, 29, que mora no parque com o marido e o filho pequeno, disse que a implantação desses serviços será um marco para a comunidade, uma vez que todos viviam de ligações clandestinas. “Qualquer ventania forte, ficávamos sem energia elétrica e a noite no escuro. Agora, vamos passar a ter energia diariamente e teremos iluminação de qualidade, o que vai nos garantir mais segurança”, comemorou.

Texto: Auriane Carvalho / Semppe
Foto: Altemar Alcântara / Semcom

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHsmpafRit

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse