Notícias

Feira da Panair recebe Pedágio Ambiental

A Prefeitura de Manaus realizou nesta quarta-feira, 21/8, na Colônia Oliveira Machado, na Zona Sul, mais uma edição do Pedágio Ambiental, com a finalidade de realizar a doação de mudas à população e, neste período de verão amazônico, sensibilizar as pessoas quanto à importância do combate às queimadas. Na edição desta quarta-feira, foram distribuídas 600 mudas de espécies frutíferas, ornamentais e medicinais, juntamente com panfletos informativos sobre queimadas.

 

21.08.19. Pedágio Ambiental - Feira da Panair

 

O trabalho de sensibilização contra a prática da queima de resíduos, feito ao longo do ano inteiro pelos técnicos da Divisão de Educação Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), é intensificado nesta época do ano. O Pedágio Ambiental surgiu a partir da determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto de ampliar o acesso da população às mudas.

 

“Estamos fazendo um trabalho de arborização urbana e queremos que a população nos ajude plantando também em seus quintais, e contribuindo para amenizar o clima da cidade”, explica o diretor de Mudanças Climáticas e Áreas Protegidas da Semmas, Márcio Bentes. Segundo ele, o trabalho de distribuição de mudas, por meio do Pedágio Ambiental, percorre toda a cidade de Manaus para levar mudas e está sendo uma ferramenta importante também para a informação.

 

“Estamos em locais como feiras livres e praças, junto com as pessoas e podemos explicar para elas que a fumaça polui o ar e faz mal à saúde e que não precisam queimar seus resíduos porque existe a coleta regular”, afirma.

 

Este ano, o trabalho da Divisão de Educação Ambiental da Semmas já sensibilizou aproximadamente 25 mil pessoas com atividades como oficinas, palestras e ações de sensibilização realizadas em logradouros públicos, unidades de conservação, escolas, empresas e até eventos religiosos, sempre com abordagem de orientação e distribuição de material informativo.

 

Jorge Lobato Xavier Pires, 53, morador da Colônia Oliveira Machado, levou mudas de acerola, graviola e bacuri para plantar em casa. “Obrigado pela colaboração de vocês, sempre quis plantar um pé de acerola em casa e estou levando outras espécies. Não imaginei que conseguiria assim tão fácil”, afirmou ele.

 

Rosamilza Canindé, moradora da rua 13 de Maio, optou por mudas ornamentais. “Quero ajudar a mudar o visual da minha rua, gosto de jardins e vou plantar essas em frente de casa”, comentou.

— — —

 

Fotos – Arlesson Sicsú / Semmas e Márcio James / Semcom

 

Disponíveis emhttps://flic.kr/s/aHsmGnH2H3

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse