Notícias

Encontro discute Sistema de Atendimento à Mulher

“Sistema de Atendimento à Mulher – Eficiência do 180 no repasse das denúncias recebidas pela Delegacia” foi o tema de uma roda de conversa escolhido pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) para encerrar, nesta terça-feira, 28/03, a programação em homenagem às mulheres, realizada durante o mês de março.

 

O evento foi realizado no auditório da Subsecretaria de Políticas Afirmativas para as Mulheres, Flores, zona Centro-Sul, e reuniu representantes do Ministério Público Federal (MPF), Comissão das Mulheres da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM), Centro Estadual de Referência e Apoio à Mulher (Cream) e Conselho Municipal de Direitos da Mulher (CMDM), entre outros.

 

Para o secretário da Semmasdh, Elias Emanuel, oportunizar uma discussão com toda rede de direitos da mulher leva, cada vez mais, a eficiência dos mecanismos de comunicação para dar uma resposta imediata à violência sofrida pela mulher.

 

“O prefeito Artur Neto insistiu que neste novo mandato, a questão das políticas em prol das mulheres viesse a ser discutida, colocando a Semmasdh no papel de protagonista. Portanto, não podemos silenciar já que isso não pode ser uma programação apenas do mês de março, e sim uma rotina”, relatou Elias Emanuel.

 

Em março de 2014, o Disque 180 transformou-se em Disque-Denúncia, com capacidade de envio dos casos para a Segurança Pública com cópia para o Ministério Público de cada estado. Para isso, conta com apoio financeiro do programa “Mulher, Viver sem Violência”.

 

Os temas mais discutidos pelos representantes das instituições foram: o repasses das denúncias do Disque 180; mecanismos que agilizem a triagem inicial e quais profissionais para atuar com as mulheres que possuem seus direitos violados.

 

Para a subsecretária Municipal de Políticas Afirmativas para as Mulheres, Socorro Sampaio, o primeiro passo para aperfeiçoar a eficiência do canal de comunicação foi dado. “Reunimos todos os atores que compõem a rede de proteção da mulher. Nesta roda de conversa vamos encontrar meios para ajudá-las, pois aqui, há pessoas que sabem o que estão dizendo e que já sabem o que fazer para melhorar”, pontuou a subsecretaria.

 

Continuidade

 

Nesta quarta-feira, 29/03, a roda de conversa abordará o tema “Educação de Gênero nas Escolas – dificuldades, desafios e boas práticas”, a partir das 9h, no auditório da Subsecretária de Políticas Afirmativas para as Mulheres, da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), na rua Araxá (Antiga Rua A), 224, Praça do Conjunto Duque de Caxias, Flores.

 

Texto: Alexsandro Machado

Fotos: Karla Vieira

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHskWUSrf4

 

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh): 3215-4616

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse