Notícias

Blitz educativa marca programação da Semana Nacional de Trânsito

Sessenta e cinco motociclistas foram abordados em uma blitz educativa realizada na manhã desta quarta-feira, 20/9, durante a operação Cine Moto do projeto Vida no Trânsito, que marcou a programação da Semana Nacional do Trânsito. A ação coordenada pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans), com o apoio do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran) e do Centro de Treinamento Moto Honda (CETH), foi realizada na rua da Prosperidade, bairro Compensa 2, Zona Oeste.

 

Dos condutores abordados, 11 foram notificados, a maioria, por dirigir sem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Como forma de orientar os motociclistas, todos tiveram que assistir a uma palestra e um filme educativo sobre comportamento seguro no trânsito, como evitar infrações, importância do uso dos equipamentos de segurança e como se comportar em uma blitz policial. Os condutores também receberam material informativo sobre as regras de trânsito e como prevenir acidentes.

 

Para a agente de trânsito e coordenadora das blitz do projeto Vida no Trânsito, Lucijane Barros, a parceria entre os órgãos é fundamental para a redução de acidentes com mortes nas vias. “Nosso maior objetivo é a vida. Essa parceria tem dado certo porque, juntos, queremos reduzir as mortes no trânsito da cidade”, enfatizou.

 

Para Ronaldo Santos, que conduzia a motocicleta sem capacete, a oportunidade de participar da palestra serviu de lição. “Foi muito importante ouvir as informações do filme e assistir a palestra. Além de aprender mais sobre direção com segurança, nunca mais vou sair sem capacete”, disse.

 

O estilo de abordagem educativa faz parte do projeto ‘Cine Moto’ idealizado pela Polícia Rodoviária Federal que, na versão municipal, está sendo coordenado pelo Manaustrans, com apoio do Programa Vida no Trânsito.

 

O projeto, de acordo com o tenente Diego Chaves, do BaPTran, é essencial para orientar condutores a dirigir com segurança e como se comportar em uma abordagem policial. “Informamos para os motociclistas que devem atender apenas o que for solicitado pelo policial e não tentar fazer movimentos e ações que mudem o teor da abordagem“, orientou.

 

Fotos: Marcelo Lima/Manaustrans

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHsm9c6LC2

Assessoria de Comunicação do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans): (92) 3215-9047

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse