Notícias

Alunos da rede municipal participam de aulas sobre empreendedorismo

Os alunos do 5º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Maria Lira Pereira, em Petrópolis, zona Sul, tiveram uma aula diferenciada na manhã desta terça-feira, 19/3. Mais de 20 estudantes iniciaram o projeto de empreendedorismo da Prefeitura de Manaus, que neste ano é realizado em parceria com a Junior Achievement Amazonas.

19.03.19.Escola da zona Sul inicia projeto de empreendedorismo.

 

Ao menos 32 escolas participarão do projeto, que neste ano envolverá 4 mil alunos do 5º ao 9º ano do Ensino Fundamental da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que receberão técnicas de iniciação ao empreendedorismo.

 

A atividade é realizada no contraturno em que o aluno estuda. O tema trabalhado esse ano em todas as escolas da Semed será o “Empreendedores Climáticos”, com carga horária de 5 horas. A intenção é ensinar aos alunos o atendimento e respeito das mudanças climáticas originadas pelas ações do homem, criando assim responsabilidade e cooperação, reduzindo os efeitos negativos e impulsionando hábitos de desenvolvimento sustentável.

 

O primeiro dia de estudo sobre o assunto foi de conversa e orientação de como empreender de uma forma correta e sustentável. Para a instrutora da Junior Achievement Amazonas, Francilene Franco, que ministrou a aula, é muito comum às pessoas pensarem que empreendedorismo se trata apenas de investimento com fins lucrativos e sem responsabilidade com a sociedade.

 

“Esse momento de conversa é muito importante para que esses futuros empreendedores tenham noção da responsabilidade que eles terão com a sociedade. A gente acredita que trabalhando isso desde criança acaba introduzindo essa responsabilidade na filosofia de vida desses estudantes e se um dia decidirem que serão empreendedores já saberão fazer de forma correta, preocupada e não apenas com o conceito ultrapassado de empreender, que é apenas visando o lucro sem nenhuma responsabilidade”, explicou Francilene.

 

Para o aluno Geovane Góes, 10 anos, as ações sem responsabilidade interferem até na mudança do clima. “A gente precisa ter muita responsabilidade com as nossas ações, o lixo que é jogado nas ruas faz mal à sociedade e o meio ambiente e isso interfere até na mudança do clima. Agora vou observar mais isso em casa, na minha rua e na escola, com campanhas de orientação”, disse Geovane.

 

A escola Municipal Maria Lira Pereira atende 690 alunos do 1º ao 5º ano, desses, dos quais 97 são do 5º ano e integram o projeto. De acordo com a gestora da unidade de ensino, Giane Fernandes, os alunos contemplados serão monitores e multiplicadores do objetivo do estudo para outros alunos.

 

“Por mais que esse projeto seja voltado para as turmas de 5º ao 9º ano, os outros alunos também terão conhecimento e essa responsabilidade ficará para os alunos que participam da ação. Eles visitarão as outras turmas explicando de que forma será trabalhado o empreendedorismo na escola e também contaremos com a ajuda dos professores do 5º ano. A intenção é a de que todos participem e tenham conhecimento”, comentou.

 

Temas
Os temas abordados e a carga horária são diferenciados por turma. O 6º ano receberá orientação sobre “Introdução ao Mundo do Negócio”, 7º ano “Nosso Mundo”, cada tema com carga horária de 5 horas. O 8º ano trabalhará o tema “Economia pessoal”, com carga horária de 10 horas e o 9º ficará com o tema “Empresa em Ação” e 12 horas de estudo.

 

“Essa visão de forma geral é a de trabalhar o empreendedorismo nas crianças e adolescentes com temas variados, do cuidado com o meio ambiente, sensibilizando ações de preservação da natureza”, observou o gerente pedagógico da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul da Semed, Anderson Rodrigues.

— — —

 

Texto: Érica Marinho / Semed

Foto: Cleomir Santos / Semed

 

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHskPPahwn

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse