Notícias

Alunos adultos e idosos recebem ‘boas-vindas’ da Semed

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) deu ‘boas-vindas’ aos 58 alunos das turmas da 1ª, 2ª e 3ª fases do Centro Municipal de Escolarização do Adulto e Pessoa Idosa (Cemeapi), nesta quinta-feira, 14/3, no auditório do Centro Estadual de Convivência da Família Magdalena Arce Daou, bairro Santo Antônio, zona Oeste de Manaus. Os alunos já iniciaram as aulas e seguem o calendário escolar Semed, que firmou uma parceria com a Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade (FUnATI), da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

 

14.03.19.Semed dá boas-vindas aos alunos do Cemeapi em parceria com a Funati.

 

As aulas são realizadas nos turnos matutino e vespertino, em turmas multisseriadas. No total, o Cemeapi atende 636 alunos, com idade a partir dos 30 anos, as atividades funcionam em espaços não formais em 36 instituições públicas e privadas como Cozinhas comunitárias; Igrejas; Centros de Referências e Assistência Social (Cras); Unidades Básicas de Saúde (UBS); Secretarias Municipais de Saúde (Semsa), Limpeza e Serviços Públicos (Semulsp) e de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh), entre outras instituições.

 

A subsecretaria municipal de Gestão Educacional da Semed, Euzeni Trajano, destacou o termo de parceria com a Funati de oferecer as pessoas que não tiveram a chance de continuar seus estudos esse momento de esperança e alegria.

 

“A partir desse convênio, nós começamos a desenvolver todo processo para organização dessa turma junto à instituição. Hoje nós temos 636 alunos matriculados, são diversas instituições, e o programa vem resgatando a pessoa idosa e adulta que não teve a oportunidade de estudar na idade certa”, comentou.

 

A coordenadora de ensino da Funati, Kennya Mota Brito, mostrou sua satisfação da parceria com a Semed, pois já vinha há algum tempo buscando esse momento para contribuir com pessoas que ainda não concluíram o Ensino Fundamental.

 

“A gente não faz nada sozinho, quando existe essa união de esforço, certamente o trabalho tende a ser exitoso. Essa é uma parceria que já vem há muito tempo sendo ‘namorada’. É uma oportunidade fantástica, do esforço de toda uma equipe para oferecer o melhor serviço para esses alunos”, disse.

 

Para diretora do Cemeapi, Clelia Maia, o evento foi um momento de muita alegria, de realização e sentimento de dever cumprido, pois o trabalho vem crescendo no processo de escolarização das pessoas que precisam concluir seus estudos.

 

“A Semed realiza essa parceria com a Funati para oferecer a escolarização aos nossos alunos adultos e idosos. A meta é chamar esses alunos para ter uma vida social bem melhor sobre a saúde, enriquecer seus conhecimentos e a realização pessoal de serem inclusos nesse processo de alfabetização”, contou.

 

O paraense Paulo Sérgio de Moraes, 67, que há 18 anos mora em Manaus, depois de 50 anos longe da escola, finalmente teve a chance de continuar seus estudos. Para ele, que está na 1ª fase, é uma oportunidade única em sua vida. “A sensação de voltar a estudar é muito satisfatória porque, às vezes, eu precisava pegar um ônibus, ler algo ou as pessoas perguntavam alguma coisa, e eu ficava sem saber como ajudar as pessoas. Vou ter agora segurança de novo voltando para sala de aula de aprender de tudo, desde o alfabeto”, contou.

 

— — —

 

Texto: Paulo Rogério/Semed
Fotos: Cleomir Santos/Semed

 

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHsmBXD66b

Notícias relacionadas

Pesquisa Avançada

Utilize esta ferramenta para encontrar notícias de seu interesse